Conecte-se conosco

Gestão

Entenda como funciona a política de compliance em construtoras

Descubra toda a importância de uma política de compliance para as construtoras que desejam manter suas atividades dentro da legalidade.

Publicado a

I

Descubra toda a importância de uma política de compliance para as construtoras que desejam manter suas atividades dentro da legalidade.

A sua construtora já possui uma política de compliance? O termo se refere ao processo de garantir que sua empresa e funcionários sigam as leis, regulamentos, padrões e práticas éticas que se aplicam ao mercado imobiliário.

Atuar sempre dentro dos limites legais e com base ética é essencial para qualquer construtora que busca sucesso em longo prazo. Trata-se de uma maneira de gerar um impacto positivo na sociedade e garantir a continuidade das operações – sem complicações ou penalidades.

Uma política de compliance ajuda a prevenir e detectar violações de regras em seu negócio. E, por isso, é essencial estabelecer normas, alinhando a organização para que seja possível se concentrar nos objetivos mais amplos sem complicações.

Neste artigo vamos entender melhor como funciona esse conceito na prática. Confira!

O que é uma política de compliance?

O “compliance” é um termo que significa estar em conformidade com a legislação. Ele está relacionado à conduta de uma empresa e o cumprimento de todas as regras dos órgãos reguladores.

De forma bem resumida, podemos compreender como a capacidade de cumprir as leis e regulamentos. Ou seja, esse conceito abrange todas as políticas, regras, controles internos e externos com os quais as empresas do mercado imobiliário devem seguir.

Cada organização deve buscar conhecer suas próprias obrigações, conforme as exigências legais pertinentes. Uma política de compliance pode incluir diversos pontos de grande importância, como:

– Impacto ambiental;

– Proteção dos dados de clientes;

– Ética e transparência;

– Concorrência e licitações;

– Obrigações fiscais e trabalhistas;

– Responsabilidade social;

– Registro adequado das transações imobiliárias.

A importância do compliance

Uma política de compliance pode ser um fator diferencial para qualquer empresa do mercado imobiliário. Ficar distante das complicações legais é ótimo para minimizar riscos e manter uma boa reputação no mercado. Além disso, a organização consegue executar atividades com mais tranquilidade e segurança.

Veja alguns dos principais fatores que ajudam a compreender a importância do compliance:

Problemas legais reduzidos

O resultado mais óbvio de uma política de compliance é que ela diminui o risco de multas, interrupções no trabalho, ações judiciais ou encerramento de negócios. Em vez de esperar ser autuado pelos órgãos reguladores, você pode atuar pro ativamente para identificar falhas e corrigi-las.

Medidas de segurança e bem-estar

O cumprimento das obrigações legais geralmente está relacionado à proteção da saúde, segurança e bem-estar de outras pessoas. Quando você constrói um edifício, as normas devem ser seguidas para aumentar a segurança dos profissionais que trabalham nas obras, assim como das pessoas que vão morar no local futuramente, certo?

Por isso, é importante ter mais controle sobre as exigências técnicas relacionadas à construção civil.

Construção de uma boa reputação

Quando você cumpre suas obrigações legais, pode divulgá-las de forma institucional, o que aumenta a credibilidade da sua incorporadora. Além disso, o simples fato de manter distância de situações irregulares permite que você construa uma boa imagem diante do seu público.

E essa reputação é positiva de diversas formas – principalmente quando pensamos no crescimento em longo prazo. Você pode ganhar a confiança de fornecedores com mais facilidade, atrair e manter talentos para sua equipe e ainda conquistar novos clientes.

Maior retenção de funcionários

Muitas das exigências que devem compor uma política de compliance tratam da proteção dos funcionários. Quanto mais a equipe sentir que trabalha em um ambiente justo, profissional e seguro, maior a probabilidade de permanecerem na empresa.

Mais que isso: qualquer profissional deseja trabalhar em uma empresa consciente de suas responsabilidades. Portanto, seguir todas as normas legais é uma ótima maneira de garantir que os funcionários queiram continuar trabalhando na sua construtora.

Atualização constante

A atualização constante não é um benefício, e sim uma necessidade. É preciso ficar sempre atento em relação às novas exigências que podem surgir. Um ótimo exemplo disso é a preocupação em adequar os processos internos da construtora para cumprir as diretrizes da LGPD.

A LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) define como as empresas devem tratar dados de brasileiros e passa a valer a partir de agosto de 2020. Assim, torna-se importante criar uma política de compliance sobre a forma como a construtora gerencia os dados, por exemplo.

Essa política de gerenciamento de dados deve incluir a criação de novas diretrizes para gerenciar os dados, definir a finalidade para a captação de dados, tempo de armazenamento, o profissional responsável pelos relatórios, entre outras normas internas. Tudo isso visando a proteção dos clientes.

Como implementar e acompanhar o processo de compliance?

Você deseja implementar uma política de compliance na sua construtora? Então veja essas dicas que vão ajudá-lo a colocar isso em prática:

1. Tenha domínio sobre as exigências legais

Procure conhecer profundamente as exigências legais em relação à construção, regularização e vendas dos empreendimentos da sua incorporadora. Para isso, é possível considerar a contratação de um profissional, mesmo que terceirizado, que tenha experiência em lidar com essa supervisão.

2. Crie uma política de compliance

Elabore um código de ética que sirva como guia para a conduta exigida de gestores, colaboradores, fornecedores, parceiros, contratantes e outras pessoas se relacionam com a construtora.

3. Instrua toda a equipe

Garanta que toda a equipe receba o treinamento necessário para que possam cumprir todas as regras. Além disso, é importante modificar a cultura empresarial para que todos tenham mais consciência sobre a importância dessas normas.

4. Faça um monitoramento constante 

Não deixe de monitorar constantemente o cumprimento de todas as normas legais. Além disso, você também deve estabelecer processos de auditoria e controle interno para apurar possíveis irregularidades.

Promova o crescimento da construtora com o compliance!

Muitas regras e regulamentos podem ajudá-lo mais que prejudicá-lo. Por exemplo, regras de segurança ajudam a evitar lesões, acidentes ou outras situações que prejudicariam os resultados da organização.

Ou seja, as normas legais não podem ser interpretadas somente como exigências onerosas para a sua construtora. Na verdade, o objetivo é justamente , e criar um ecossistema que funcione adequadamente para que você possa desenvolver suas atividades comerciais.

Você já conhecia o conceito de política de compliance? Como você avalia as condutas da sua construtora? Deixe o seu comentário.

Continue lendo
Clique aqui para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gestão

Evite bagunça no seu lançamento com a montagem das pastas digitais

Publicado a

I

RI aprovado agora é vender! Imgine: você como gestor comercial da incorporadora ou loteadora já fez o meeting com os corretores e então começa a receber as pastas. De repente você se pega com sua mesa cheia de pastas em papel, e ainda começa a receber reclamações de corretores dizendo que já te enviaram a pasta várias vezes, mas não tiveram retorno. Bem… vamos ver como as pastas digitais poderão evitar essa bagunça e garantir a sua incorporadora ou construtora maior previsibilidade nas vendas nos lançamentos imobiliários.

E se quiser bater a meta de venda de todos os seus próximos lançamentos, acesse o Guia do Lançamento Imobiliário.

Os corretores ainda montam pastas em papel?

É comum que corretores comecem a montar as pastas de seus clientes antes mesmo dos lançamentos. Assim, o corretor pega os documentos dos clientes, os quais muitas vezes são enviados por meios diversos, e o corretor vai montando, literalmente, a pasta, o que a princípio parece ser uma boa alternativa. Mas será que isso realmente otimiza o tempo?

Montar pastas de forma manual pode acarretar em perda de tempo e documentos importantes. Isso porque, para executar essa atividade, o corretor precisa estar em constante contato com o cliente para solicitar documentos, os quais são encaminhados em diversas cópias até a finalização da montagem da pasta.

Um processo demorado que pode levar dias e fazer a sua construtora perder dinheiro e potenciais clientes. Mas estamos num mundo mais digital, vamos digitalizar tudo!

Whatsapp e Google Drive

A primeira ideia de quem está digitalizando seu processo de montagem e aprovação de pastas para lançamento é de já usar o que todos usam. Então define que receberá as pastas pelo Whatsapp, Google Drive e Email. Todo corretor usa esses meios, então acredita-se que é a melhor forma de receber as pastas.

Às vezes tem-se a ideia de criar formulários para que até os próprios clientes possam acessar, preencher com seus dados e enviar seus documentos.

Talvez assim te ajude até a receber mais pastas, mas o problema desses meios dispersos é agrupar isso em um funil centralizado para poder avaliar, aprovar e solicitar algum novo documento ao corretor (que aciona o cliente). As pastas podem se perder e os clientes ficarem sem retorno, o que tira a credibilidade e eficiência do processo.

Processo das pastas digitais

Imagine que sua construtora esteja na semana do lançamento e você, gestor comercial, e sua secretaria de vendas tenha que conferir manualmente diversas pastas de possíveis clientes, uma por uma. Nesse caso, é possível simplificar o processo com o envio de documentos pelo WhatsApp, por exemplo. Mas serão várias mensagens que receberá e terá que conferir tudo, o que não facilita e muito menos resolve o problema.

O primeiro passo é deixar muito claro e documentado para todos os envolvidos de como será esse processo de montagem e aprovação das pastas. Você pode documentar num fluxograma como esse:

Uma outra forma de documentar o processo, com visão Kanban, seria numa ferramenta como Trello (acesse o quadro aqui):

CRM imobiliário

OK! Processo organizado, mas como realizar toda essa jornada de forma digital e realmente eficiente? Para isso, você precisa ter um CRM imobiliário que seja personalizável, atendendo ao seu processo em específico.

É ainda mais importante que:

  • esteja no celular por um aplicativo;
  • seja fácil de usar.

Só assim para os corretores de fato usarem seu CRM. Caso contrário, eles não enviarão as pastas de forma organizada e você não conseguirá acompanhar em tempo real e ter previsibilidade das vendas do lançamento.

Veja no exemplo abaixo, como os clientes do CRM Facilita têm organizado seu funil de pré-lançamento:

A pasta digital torna o processo muito mais fácil para o corretor, já que no primeiro contato com o comprador é possível iniciar a montagem de pasta, tirando fotos e anexando os arquivos no negócio do cliente em uma plataforma de vendas.

Enquanto os corretores otimizam melhor o tempo com a montagem de pastas digitais, gestores podem ter um acompanhamento em tempo real de todo o processo. Se tratando de lançamentos, a montagem prévia de pastas digitais é uma grande vantagem.

Enquanto gestor, você pode acessar por um app ou desktop, por exemplo, para aprovar, reprovar ou solicitar outros documentos para as pastas que já foram cadastradas. Com isso, no dia do lançamento, o cliente com pasta aprovada tem sua venda fechada com maior agilidade, finalizando todo o trâmite em poucos minutos e de forma totalmente digital.

Corretores que usam CRM

Se um dos maiores desafios na montagem de pastas é o tempo, sua incorporadora precisa de uma solução dinâmica e fácil. E é exatamente isso que o app Facilita oferece: realizar envio de proposta e montagem de pastas direto no aplicativo

Na palma da mão! Assim, corretores e gestores conseguem ter uma visão geral de todas as pastas de seus clientes e também dos status de cada proposta. É possível, dentro do app, fazer o envio de documentos, fotos e anexos importantes. Além, claro, de preencher a proposta digitalmente, que a incorporadora recebe na hora e poderá retornar com a aprovação em pouco tempo. 

Dessa forma, nenhuma informação se perde. Corretores não precisam ficar ligando para seus gestores dando feedback, nem gestores correndo atrás de informações de clientes.

Tudo fica registrado no mesmo lugar de forma simples e fácil pelo app. Confira o depoimento do corretor de imóveis, Diego:

Cases de lançamento imobiliário

Clique e confira como esses clientes Facilita conseguiram:

Gostou do conteúdo e quer entender melhor como o CRM Facilita pode te apoiar a bater a meta de vendas no próximo lançamento? Sugiro então você:

Continue lendo

Gestão

Lançamento do imóvel: como um aplicativo pode ser útil para construtoras?

É fato que um dos grandes desafios do mercado imobiliário é vender algo que ainda não existe. Planejar junto ao cliente um sonho que ainda não é palpável exige muito trabalho. Por isso, já há algum tempo, é hábito de construtoras buscarem maneiras de surpreender o cliente ainda no lançamento do imóvel, seja com apartamentos […]

Publicado a

I

É fato que um dos grandes desafios do mercado imobiliário é vender algo que ainda não existe. Planejar junto ao cliente um sonho que ainda não é palpável exige muito trabalho. Por isso, já há algum tempo, é hábito de construtoras buscarem maneiras de surpreender o cliente ainda no lançamento do imóvel, seja com apartamentos decorados, plantas humanizadas e experiências lúdicas.

(mais…)

Continue lendo

Gestão

Descubra as 10 principais tendências que revolucionarão o mercado imobiliário nos próximos anos

Publicado a

I

Movidos pelas últimas tendências digitais, o mercado imobiliário tem sido um dos principais setores a experimentar novas tecnologias e inovações. Para os próximos anos, prevê-se que muitos desses avanços ajudem a redefinir os processos de compra e venda de imóveis. Pensando nisso, separamos as 10 principais tendências que revolucionarão o mercado imobiliário. Confira a seguir!

1 – Experiência móvel

No mercado imobiliário, a adoção de um software tem sido ser um diferencial para o sucesso das estratégias de incorporadoras, construtoras, loteadoras e imobiliárias. Isso se deve ao atual cenário, em que já a algum tempo, a mobilidade dos aparelhos celulares têm ganhado destaque na vida dos nas vendas imobiliárias e é uma das tendências que revolucionarão o mercado imobiliário.

Já em dezembro de 2018, um relatório divulgado pelo Pew Research Center coloca o Brasil como o líder no uso de smartphone entre os países emergentes. Recentemente, no ano de 2022, o relatório State of Mobile apontou que o país sai na liderança no utilização de smartphones, com mais de 5 horas diárias de uso em média.

No mercado imobiliário, um aplicativo é utilizado para gerenciar vendas de imóveis, captar leads e até mesmo fidelizar clientes, trazendo mobilidade, com informações que podem ser acessadas de qualquer lugar e a qualquer horário facilmente. Nesse sentido, uma construtora que tem um app pode:

  • Captar novos clientes/leads
  • Firmar sua marca no digital
  • Organizar o processo de vendas
  • Fechar negócios de forma totalmente digital
  • Conquistar a confiança dos clientes e fidelizá-los 

O objetivo da sua incorporadora é vender mais e se destacar no mercado? Ofereça a melhor experiência de usuário com um aplicativo que se molda às suas necessidades! O poder de um app vai além de otimizar seu gerenciamento e te fazer gastar menos dinheiro, pode colocar a sua construtora à frente da concorrência. 

Com o uso da tecnologia é possível vender de qualquer lugar, ter acesso a informações atualizadas a qualquer momento e, sobretudo, repassá-las aos clientes de forma simples e fácil. Pensando nisso, a mobilidade de um app na palma da mão  é totalmente voltada para atender às necessidades e demandas de vendas imobiliárias.

Bônus: app Facilita Vendas

O Facilita é um app híbrido, desenvolvido com uma linguagem de programação que o permite funcionar em sistemas distintos, utilizando a mesma linguagem de programação para IOS e Android.

Através do aplicativo, construtoras, loteadoras e imobiliárias disponibilizam os materiais de venda dos seus empreendimentos com os corretores, inclusive, eles contam com um hotsite exclusivo gerando maior confiança e credibilidade para o vendedor e para a empresa perante o cliente o o mercado; se comunicam com as equipes de vendas e otimizam todo o processo de vendas. Tudo fácil, tudo digital.

Confira como o app Facilita Vendas pode te auxiliar:

  • Gestão de Vendas e CRM
  • Integrações e Chat
  • Gestão de Produtos e Hotsite para o corretor
  • Gestão de Novidades, canal de comunicação direta entre gestores e equipes de vendas
  • Alertas em tempo real sempre que tiver atualização de comunicados, produtos, tabelas de vendas, novos clientes, tarefas a serem feitas.
  • Personalização do seu aplicativo com as cores e marca da sua empresa
  • Assinatura Digital

Tudo isso e muito mais, para que você consiga fazer toda a gestão da construtora de ponta a ponta, onde a venda estiver.

2 – Maior transparência

Cada pequena interação de um cliente com a sua construtora influencia (positivamente ou negativamente) na transparência do processo e consequentemente na experiência do cliente. Isso inclui interações com o site, conteúdo consumido, atendimento recebido, processo de vendas e até o fechamento do negócio.

Sabendo disso, vamos apontar 7 dicas para otimizar a experiência do cliente durante toda a jornada de compra:

  1. Garanta satisfação desde o primeiro contato
  2. Estabeleça um processo de pré-atendimento
  3. Foque nas necessidades de cada cliente
  4. Preze pela clareza e transparência
  5. Facilite o momento da compra
  6. Ofereça um pós-venda de qualidade
  7. Utilize a tecnologia ao longo de todo o processo

Você gostou das dicas para uma experiência do cliente satisfatória? Já está pronto para colocar essas dicas em prática? Então confira tudo o que você precisa saber no artigo completo: “Experiência do cliente: saiba como encantá-lo durante a venda”

3 – Inteligência Artificial (IA)

A Inteligência Artificial vem chamando a atenção no mercado como um todo, além de ser uma grande aliada no setor imobiliário. Com a IA, é possível automatizar tarefas técnicas relacionadas ao assunto, como análise de tendências de mercado e previsão de comportamento dos consumidores.

 4 – Big Data

O termo Big Data se refere não apenas a um grande volume de dados, mas também à variabilidade desses dados, à velocidade na qual são gerados, sua veracidade e o valor a eles agregado.

Tendo em vista um mercado cada vez mais competitivo e um público mais e mais exigente e conectado, é imperativo que os players do mercado imobiliário invistam na contínua modernização de seus processos e se apropriem das incontáveis oportunidades que surgem a partir da correta e inteligente utilização de dados. Saiba mais no artigo:

“Big Data e Mercado Imobiliário: qual a relação?”

5 – Automação de processos

Sabemos que automatizar processos é transformar atividades manuais em tarefas realizadas de maneira otimizada. Com a automação de processos, muitas tarefas manuais serão eliminadas, tornando os processos mais eficientes e seguros. Mas como os processos da sua incorporadora, construtora, loteadora ou imobiliária podem ser otimizados? Conheça as soluções do app Facilita para gestão de vendas!

6 – Segurança

Para garantir a segurança dos processos imobiliários, as construtoras estão adotando medidas de verificação como biometria, verificação de identidade online e assinaturas digitais nos contratos. Além disso, a partir do cumprimento da LGPD, as empresas do mercado imobiliário devem ter uma atenção especial com os formulários de cadastro de dados.

É fundamental que o cliente entenda a finalidade da coleta das informações. E isso vale tanto no ambiente digital (sites, apps e anúncios) quanto no ambiente físico (stand de vendas, eventos, entre outros pontos de contato).

A LGPD ainda é uma legislação recente e as empresas ainda estão aprendendo a lidar com as exigências da norma. No entanto, os consumidores estão tendo cada vez mais consciência sobre o uso adequado dos seus dados pessoais.

Por este motivo, quanto antes as empresas do mercado imobiliário se adequarem à essa lei, menores serão as chances de receberem complicações legais. Neste contexto, a transparência é a palavra-chave. E você, já sabe como adequar sua construtora às exigências da LGPD?

Confira mais detalhes nos artigos a seguir:

Checklist: o passo a passo para implantar a Assinatura Eletrônica no mercado imobiliário

Você sabe o que a LGPD vai mudar no mercado imobiliário?

LGPD e CRMs imobiliários: como adequar a lei?

7 – Lançamento imobiliário digital

A construção civil teve um grande crescimento nos últimos anos. Com isso, incorporadoras, construtoras, loteadoras e imobiliárias que desejam estar à frente nas vendas do mercado precisam estruturar uma gestão de vendas cada vez mais assertiva em lançamentos imobiliários. Muitas delas, estão investindo no digital e na tecnologia para atrair e acompanhar espaços buscando vender imóveis de forma mais rápida e assertiva. 

Para conseguir realizar um lançamento digital, é preciso se preparar com antecedência e ir implantando uma cultura digital gradualmente na rotina da sua equipe. Por isso, o projeto precisa de um líder atuante, responsável por planejar e acompanhar o lançamento, sempre buscando melhorias. É importante lembrar que os processos também devem estar alinhados e as ferramentas precisam ser simples de usar.

A gestão de um lançamento de imóveis é um processo que pode ser descomplicado com o uso da tecnologia, por exemplo, o App Facilita é uma ferramenta que auxilia no fechamento de um venda como acesso a tabelas e informações de unidades, disponibilidade e reservas atualizadas, envio de propostas e análise de vendas. Assim, é possível realizar seu lançamento digital, trazendo mais agilidade no atendimento e velocidade nas vendas, por centralizar todo o seu processo comercial em uma solução fácil de usar e que cabe na palma da mão de gestores e corretores.

Saiba mais sobre o lançamento digital com Kit do lançamento digital. Com este material gratuito, você vai esclarecer todas as suas dúvidas sobre um lançamento digital de empreendimentos:

8 – Segmentação do mercado

A segmentação do mercado é uma das tendências que revolucionarão o mercado imobiliário. É um método para personalizar ofertas de imóveis com base nos desejos e necessidades dos clientes. Mas como atingir o público certo? Saiba mais no artigo:

“Segmentação de público em anúncios: 4 dicas para o mercado imobiliário”

Bonus: Uma boa estratégia de SEO com as keywords certas também é essencial para otimizar o ranqueamento de seu negócio na internet.

9 – Tecnologias de localização

Estas tecnologias estão sendo amplamente usadas para ajudar as pessoas a encontrar imóveis na área desejada.

10 – Realidade Aumentada (AR)

A Realidade Aumentada vem sendo usada para dar uma experiência imersiva aos usuários no momento da compra de imóveis.

Com essas 10 principais tendências que revolucionarão o mercado imobiliário, o setor se prepara para mudanças importantes nos próximos anos. Aproveite estes desenvolvimentos para otimizar os seus negócios e estar atualizado sobre as últimas tecnologias e tendências.

Assine a News do app Facilita e receba gratuitamente no seu e-mail um boletim com as novidades e tendências do setor!

Continue lendo

mais acessados do Blog

pt_BRPortuguese