Conecte-se conosco

Mercado Imobiliário

3º trimestre de 2021 é marcado por redução de 9,5% nas vendas de imóveis

Publicado a

I

O impacto na diminuição das negociações no 3º trimestre de 2021 contabiliza 11,2% e os lançamentos cresceram 7% no comparativo do mesmo período no ano de 2020. Como esperado, houve queda nas vendas de imóveis novos em relação ao 2º trimestre de 2021, a redução foi de 9,5%. Mas você sabe o que provocou essa moderação no setor? Buscando dar nome aos culpados, a alta dos materiais de construção e a redução do poder de compra se destacam diante da inflação geral de 10% no Brasil.

Para o presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), José Carlos Martins, “a grande esperança é que temos o contínuo interesse na aquisição, as famílias estão querendo imóveis, elas continuam com apetite”. Diante disso, é importante que as construtoras estejam atentas aos interesses desse público e saibam aproveitar essa oportunidade do setor. Você, gestor, quer saber como se deu esse comportamento do mercado e quais estratégias traçar para fazer a gestão adequada a esse cenário, visando impulsionar as vendas da sua construtora? Continue a leitura e descubra!

O 3º trimestre de 2021

O setor imobiliário se manteve aquecido durante esse ano. Apesar da alta da Selic e o aumento dos materiais de construção, as incorporações tiveram o melhor 1° semestre da história, com grandes perspectivas para a permanência de um cenário positivo.

Já no terceiro 3º trimestre de 2021, a alta nos insumos de construção afetou os números do mercado imobiliário no país. Por este motivo, as vendas de imóveis novos registram queda de 9,5% no último trimestre, em relação ao mesmo período do ano passado. Já os lançamentos, subiram 13,6%.

Segundo Martins: “Os números reforçam o que foi dito desde o ano passado, que o mercado só tende a crescer. Porém os motivos para a redução das vendas se devem a três grandes fatores: o cenário político do Brasil e o aspecto do emprego. E esses três itens têm a ver com insegurança futura”.

A geração de empregos também foi afetada no setor, o presidente da CBIC, José Carlos Martins, disse em uma coletiva na última segunda-feira: “O emprego de hoje é a venda de ontem. Vamos fechar o ano com contratação de 360 mil a 400 mil novos empregos porque vendemos muito bem nos primeiros nove meses. O emprego de amanhã depende da venda de hoje e ela caiu quase 10%, então temos que ter muito cuidado para não termos uma situação delicada no próximo ano”.

O que mantém a expectativa de crescimento para o próximo ano (2022) é a intenção de compra. Como já mencionado aqui neste artigo, o contínuo interesse na aquisição de imóveis traz esperanças para incorporadoras, construtoras e imobiliárias.

Houve moderação na intenção de compra?

Em razão da pandemia, o comportamento de compra mudou. Em uma pesquisa realizada pela CBIC em parceria com a Brain Inteligência Estratégica (empresa de pesquisa e consultoria em negócios) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), os números apontam redução de 7% na intenção de compra no terceiro semestre deste ano, o aumento da inflação aparece como a principal razão para essa queda.

Quais estratégias traçar para fazer a gestão adequada diante desse cenário?

Saber como vender imóveis é a principal característica de qualquer negócio do mercado imobiliário. A diferença é que, com o advento tecnológico impulsionado pela transformação digital, todo o processo de vendas passou a ser reconsiderado. Afinal, muitas soluções facilitam o fluxo de trabalho, minimizam as atividades mecânicas e repetitivas e otimizam a experiência de compra dos clientes.

Muitas empresas ainda batalham para fazer essa transição sem perder o equilíbrio dos esforços praticados e os resultados adquiridos. Além disso, há uma preocupação com a estabilidade ou não do mercado devido ao atual cenário econômico do país. Por isso, incorporadoras, construtoras, loteadoras e imobiliárias buscam traçar estratégias que “conversem” com essa condição imposta ao setor. Mas e você, sabe o que fazer para impulsionar suas vendas?

O primeiro passo é focar na organização! Temos visto que com a correria enfrentada pelos corretores, a organização passou a ser uma necessidade e não uma característica. Isso porque, a gestão de clientes vem sendo fundamental para fechar vendas e a tecnologia surge como uma grande aliada. O uso de CRM, ERP e ferramenta de gestão, além de manter o processo da sua construtora organizado, trazem mais credibilidade e confiança para a sua empresa no mercado.

Gestão de atendimento

A gestão do atendimento permeia entre a empresa e o cliente, firmando um relacionamento bem estruturado que visa fornecer a melhor experiência possível durante todo o processo de venda. 

E como já falamos há algum tempo, a melhor forma de oferecer ao cliente tudo que ele precisa para a decisão de compra é dispondo de um aplicativo para vendas personalizado o seu tipo de negócio no mercado imobiliário. Um grande diferencial é ter seu processo centralizado em uma única ferramenta e que possa ser acessada em qualquer lugar.

É importante que haja um CRM para se cadastrar os clientes, receber os leads gerados pelas campanhas digitais, distribuir entre os corretores e registrar os atendimentos. Recursos que tornam o processo de vendas de imóveis inteiro, integrado e coeso. Realizando toda a Gestão de Vendas e CRM desde a captação do lead até o fechamento da venda.

Venda sem burocracia!

A mesma tecnologia que revolucionou os hábitos dos consumidores, trouxe também soluções para otimizar a gestão das construtoras, o objetivo é facilitar a vida de ambos.

A utilização de uma ferramenta de gestão traz mais liberdade e autonomia para o corretor, o que é essencial para que a sua equipe tenha uma atuação mais eficiente. Dado que, eliminar a burocracia reduz o tempo gasto nas atividades e permite que os a sua equipe de vendas passe mais tempo focando nas vendas de imóveis.

Qual ferramenta escolher?

Você precisa de uma solução que seja de fácil utilização e que faça o controle completo da gestão de vendas, desde a abertura de um processo até o seu fechamento. Além disso, ela precisa ser de fácil manuseio para que sua equipe de corretores sejam receptivos à essa nova tecnologia.

O App Facilita pensa nesses processos e entende que às vezes é difícil essa implementação. Por isso, nós oferecemos tudo que a sua construtora precisa para fechar vendas, centralizando em um único local todo o processo, pensado e moldado exatamente para atender desde suas necessidades gerais às mais específicas. Estamos revolucionando as vendas do mercado imobiliário e queremos te ajudar a vender mais! 

Torne seu processo mais eficiente e venda mais rápido! Acompanhe esse vídeo de demonstração preparado pela nossa Coordenadora de Marketing, Ana Maria, e veja como é simples e fácil a vendas de imóveis no App Facilita:

Conheça nossa Redatora e Analista de Marketing! Especialista em Marketing Digital, Gestão de Vendas e Letramento Informacional, Elen é uma verdadeira apaixonada por desvendar os segredos do mercado imobiliário. Sua missão é ajudar você a aprimorar processos e manter-se atualizado com as mudanças constantes do setor. Prepare-se para uma jornada de vendas fácil, descomplicada e transformadora, com conteúdo que fará toda a diferença!

Continue lendo
Clique aqui para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gestão

Como organizar a gestão e aumentar a produtividade: um guia para gestores

Soluções inteligentes para superar a desorganização e ganhar eficiência operacional e estratégica.

Publicado a

I

Gerenciar uma construtora ou incorporadora pode ser uma tarefa desafiadora, especialmente quando se trata de lidar com a desorganização, a falta de tempo e a ansiedade relacionada às operações diárias. Para muitos gestores, a sensação de estar constantemente perdido pode ser esmagadora, afetando não apenas sua produtividade, mas também o desempenho geral da empresa.

Neste artigo, vamos explorar estratégias eficazes para organizar a gestão, começando por identificar as áreas prioritárias, entender por onde começar e apresentar ferramentas que podem ajudar os gestores a superar os desafios comuns enfrentados no dia a dia. Vamos mergulhar fundo nas dores relatadas pelos gestores e oferecer soluções práticas para colocar as coisas no lugar e aumentar a produtividade. Vamos lá!

Como organizar a gestão: por onde começar?

Para muitos gestores, o primeiro passo para organizar a gestão é identificar as áreas que mais contribuem para a desorganização e a falta de eficiência. Isso pode incluir 3 pontos principais:

  • Centralização de Informações: Muitas vezes, as informações críticas sobre empreendimentos, clientes e vendas estão dispersas em vários sistemas ou planilhas, dificultando o acesso e a tomada de decisões rápidas.
  • Gestão de Equipe: A falta de comunicação eficaz e de uma estrutura clara de responsabilidades pode levar a atrasos e duplicações de esforços, prejudicando a produtividade da equipe.
  • Controle de Vendas e Atendimento: A falta de visibilidade sobre o progresso das vendas, o status dos leads e o desempenho da equipe de atendimento pode resultar em perda de oportunidades e insatisfação do cliente.

Quais atividades priorizar?

Ao organizar a gestão, é importante priorizar atividades que ofereçam o maior impacto e retorno sobre o investimento de tempo e recursos. Algumas áreas que os gestores devem considerar priorizar incluem:

  • Implementação de um CRM: Uma solução de CRM (Customer Relationship Management) pode ajudar a centralizar todas as informações relacionadas aos clientes, empreendimentos e vendas, proporcionando uma visão holística do pipeline de vendas e facilitando a comunicação interna.
  • Automatização de processos: Identifique tarefas repetitivas ou manuais que consomem tempo e recursos preciosos e busque soluções de automação para simplificar esses processos. Isso pode incluir o envio automático de e-mails, a geração de relatórios automatizados e a criação de fluxos de trabalho padronizados.
  • Treinamento da equipe: Investir no desenvolvimento da equipe é fundamental para aumentar a eficiência operacional e garantir que todos estejam alinhados com os objetivos e processos da empresa. Ofereça treinamentos regulares sobre o uso de ferramentas e sistemas, bem como técnicas de vendas e atendimento ao cliente.

Quais ferramentas podem ajudar?

Existem várias ferramentas disponíveis no mercado projetadas especificamente para ajudar os gestores a organizar suas operações e aumentar a produtividade. Algumas opções populares incluem:

  • CRM Personalizado: Opte por uma solução de CRM que atenda às necessidades específicas do mercado imobiliário, oferecendo recursos como gestão de leads, automação de marketing, acompanhamento de vendas e relatórios personalizados.
  • Plataforma de Gestão de Vendas: Uma plataforma dedicada à gestão de vendas pode fornecer uma visão abrangente do pipeline de vendas, permitindo que os gestores monitorem o progresso das vendas, identifiquem áreas de melhoria e tomem decisões informadas.
  • Ferramentas de Comunicação e Colaboração: Utilize ferramentas de comunicação e colaboração, como Slack, Microsoft Teams ou Google Workspace, para facilitar a comunicação interna, compartilhar documentos e coordenar projetos entre os membros da equipe.

Organize a gestão!

Organizar a gestão pode parecer uma tarefa assustadora, mas com a abordagem certa e as ferramentas adequadas, os gestores podem superar a desorganização, aumentar a eficiência operacional e impulsionar o sucesso da empresa. Ao identificar as áreas prioritárias, priorizar atividades-chave e utilizar ferramentas inteligentes, os gestores podem transformar sua empresa em uma máquina bem oleada e produtiva.

Se você é um gestor em busca de soluções para suas dores de desorganização, falta de tempo e ansiedade operacional, não hesite em explorar as opções disponíveis e implementar mudanças positivas em sua empresa. A organização é a chave para o sucesso, comece hoje mesmo!

Continue lendo

Mercado Imobiliário

Panorama de Vendas da Incorporação e Loteamentos

Publicado a

I

Você já se perguntou quais são os segredos por trás do sucesso no mercado imobiliário? Quais estratégias e insights impulsionam as vendas de incorporações e loteamentos? Recentemente, tivemos o prazer de sediar um webinar exclusivo que ofereceu acesso privilegiado aos resultados e perspectivas mais recentes sobre esse setor em constante evolução. Junte-se a nós enquanto exploramos os principais destaques do webinar “Panorama de Vendas da Incorporação e Loteamentos”, uma iniciativa colaborativa organizada pela Facilita Vendas em conjunto com a Brain Inteligência Estratégica, CUPOLA e DNA de Vendas.

Participantes do  Webinar

Durante o webinar, os participantes tiveram a oportunidade única de ouvir e interagir com especialistas do setor, incluindo:

  • Glauco Farnezi, CEO da Facilita Vendas
  • Guilherme Werner, Sócio-Consultor da Brain Inteligência Estratégica
  • Lucia Haracemiv, CEO da DNA de Vendas
  • Kariny Martins, Sócia da CUPOLA

Esses líderes de mercado compartilharam suas perspectivas, experiências e insights sobre as tendências atuais, desafios enfrentados e oportunidades emergentes no mercado de incorporação e loteamentos.

Destaques do Webinar

Durante o webinar, os participantes tiveram acesso exclusivo aos resultados do “Panorama de Vendas da Incorporação e Loteamentos”, uma pesquisa abrangente que oferece uma visão detalhada do mercado imobiliário. Alguns dos principais destaques incluíram:

  • Tendências de mercado: Os especialistas discutiram as tendências mais recentes no mercado imobiliário, destacando áreas de crescimento e oportunidades emergentes para incorporadores e loteadores.
  • Desafios enfrentados: Foram abordados os desafios comuns enfrentados pelos profissionais do setor, desde a gestão de leads até a estruturação de equipes de vendas e o cumprimento das regulamentações, como a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados).
  • Estratégias de sucesso: Os participantes receberam insights valiosos sobre as estratégias mais eficazes para impulsionar as vendas, incluindo o papel fundamental da tecnologia, a importância do pré-atendimento e a análise avançada de dados.
  • Benchmarking: O webinar ofereceu uma oportunidade única para os participantes realizarem benchmarking com os resultados apresentados, permitindo que comparassem seu desempenho com as métricas e práticas exemplares identificadas na pesquisa e, disponibilizando o relatório do Panorama completo, gratuitamente.

Panorama de Vendas da Incorporação e Loteamentos

O relatório do “Panorama de Vendas da Incorporação e Loteamentos” foi uma iniciativa colaborativa organizada pela Facilita Vendas em conjunto com a Brain Inteligência Estratégica, CUPOLA e DNA de Vendas. Essas empresas líderes uniram forças para fornecer uma análise abrangente e especializada do mercado imobiliário, oferecendo insights valiosos para profissionais do setor.

Para ter acesso ao relatório completo do “Panorama de Vendas da Incorporação e Loteamentos”, que inclui o Benchmarking de vendas feito com mais de 260 gestores comerciais de incorporadoras e loteadoras em todo o Brasil, clique no botão:

O Webinar “Panorama de Vendas da Incorporação e Loteamentos” foi (e ainda é, assista clicando aqui) uma oportunidade imperdível para profissionais do mercado imobiliário obterem insights exclusivos, compartilharem conhecimentos e se manterem atualizados sobre as tendências mais recentes do setor. Agradecemos a todos os participantes e especialistas que contribuíram para tornar este evento um sucesso e esperamos continuar oferecendo conteúdo relevante e informativo no futuro.

Mantenha-se conectado conosco para futuras atualizações e eventos do setor imobiliário. Estamos comprometidos em fornecer as ferramentas e informações necessárias para impulsionar o seu sucesso no mercado de incorporação e loteamentos. Que tal experimentar o Fácil? Facilita!

Continue lendo

Mercado Imobiliário

Selic cai para 10,75%, mas imóveis tendem a subir: O que isso significa?

Publicado a

I

O Comitê de Política Monetária (Copom) anunciou mais uma redução na taxa básica de juros, a Selic, deixando-a em 10,75% ao ano. Essa é a sexta queda consecutiva, trazendo a taxa de volta ao patamar de fevereiro de 2022. A decisão foi unânime e alinha-se às expectativas do mercado financeiro.

No entanto, há uma nuance interessante nesta redução. O Banco Central sinalizou uma possível desaceleração no ritmo de cortes, indicando que a próxima redução, prevista para maio, poderá ser de mesma magnitude, e não necessariamente seguirá o padrão das últimas reduções. Essa mudança de tom reflete a necessidade de maior flexibilidade diante do cenário econômico atual.

Embora a queda da Selic seja uma boa notícia para quem busca crédito mais barato, ela pode ter um impacto surpreendente no mercado imobiliário. Especialistas apontam que, com a redução dos juros, os preços dos imóveis tendem a subir.

Por que os imóveis tendem a subir?

Quando os juros estão em queda, o custo de financiamento de imóveis também diminui. Isso pode incentivar mais pessoas a buscar financiamentos e investir no setor imobiliário. Como resultado, a demanda por imóveis aumenta, o que, por sua vez, pode levar a um aumento nos preços.

Além disso, a redução da Selic torna outras formas de investimento menos atrativas, levando os investidores a buscar alternativas, como o mercado imobiliário, que historicamente oferece retornos sólidos a longo prazo.

Diante desse cenário, é importante considerar aproveitar os preços relativamente mais baixos dos imóveis agora, pois há expectativas de aumentos expressivos à medida que os juros continuam a diminuir.

É válido lembrar também que a queda nos juros pode tornar mais vantajosa a portabilidade de financiamentos imobiliários, possibilitando a troca por taxas mais atrativas.

Continue lendo

mais acessados do Blog

pt_BRPortuguese